DIA 10 – TURQUIA – Diyarbakir/Amed

amed  9

De manha chegamos na cidade e esse seria um dia de reflexao…

Ainda discutiamos se iriamos para o Iraque/Curdistao ou nao.

Kurdistan-map

Esta area pertence a esse povo que estava ali antes de todos, mas na hora da formacao de estados, foram apenas incluidos nos outros. Entao, sao como os judeus foram por muitos anos, um povo sem estado.

Ja sabiamos um pouco de turco, mas nao podiamos obter uma boa comunicacao ainda. E agora comecaria outra lingua: o curdo, que por muitos anos foi proibido na Turquia, mas agora nao mais. Todavia, nao se ve em todos os lugares e nao se e ensinado nas escolas, apenas pelas familias.

Apesar de nao terem um estado, ha uma cidade  que se encontra em Amed, o centro de Diyarbakir, que esta entre muros ha muitas centenas de anos e e o centro administrativo da Provincia de Diyarbakir com quase um milhao de pessoas.

Amed 8

Como passariamos a tarde apenas nessa cidade, fomos logo aos guiches comprar a proxima passagem… para o Iraque ou adiante.

Foi so falar “Brasil” e ja fizemos amizades com as pessoas de quase todos os guiches. Nao sabiamos nos comunicar direito, entao usamos o “google tradutor” para fazer nossas perguntas: se o Iraque estava seguro, como estava a fronteira, e o que ver pela cidade nesse meio tempo.

Com muita alegria e chay, nos disseram que estava tudo bem, que o que ouvimos em outras cidade era besteira e que estavam muitos felizes que estavamos ali nao para conhecer a Turquia, mas sua nacao chamada Curdistao.

O Arthur sabia algumas palavras em curdo, o que fez eles se animarem mais ainda com a ideia de nossa presenca. Pela confiaca que nos deram, resolvemos comprar – com o desconto pela amizade – as passagens para o Iraque e cumprir com nossa agenda, assim como haviamos programado meses antes.

O irmao do homem do guiche, Zulfucar se ofereceu para nos mostrar Amed, a cidade curda dentro de Diyarbakir.

No caminho, usamos mais o “google tradutor” no celular para fazermos perguntas ao Zulfucar. Ele foi muito atencioso assim como os outros. Ainda que nao compreendemos a lingua de ambos, um carinho enorme crescia nessa amizade. Tomou quase uma hora para chegar a Amed da rodoviaria e uma coisa que pudemos ver e o enorme numero de condominios e todos no mesmo modelo. A palavra “comunismo” relampejou em nossas cabecas, mas estranho e que muitos desses condominios estavam abandonados ou nao ainda habitados.

A paisagem da cidade e muito limpa e bonita. A cidade e inteiramente plana, talvez por essa razao o onibus abusasse em suas voltas.

Quando chegamos aos muros de Amed, ficamos simplesmente absortos com tamanho monumento dentro dessa cidade.

Amed

A paisagem que o muro proporciona e fenomenal e pudemos ouvir as oracoes da mesquitas por toda a cidade desta posicao. Mas ela esta mal preservada, usuarios de drogas e vandalos usam o lugar, fazendo com que ele exale um cheiro quase insuportavel. Mas fomos ate o fim. A paisagem de fora e bem diferente da de dentro, apesar de haver riqueza dos dois lados.

Uma coisa interessante e a mistura de religioes nesse local. Enquanto em Istanbul as igrejas estao escondidas, aqui estao bem apostas e, apesar de nao comum para os brasileiros, ha igrejas para cada nacionalidade e mesquitas tambem, claramente.

Vimos como este local no centro da Turquia era tambem outro portao para tantas religioes e culturas diferentes.

Depois de Zafulkar nos pagar o almoco como forma de boas vindas, demos uma camisa do Brasil para ele.

Dali, voltamos para a rodoviaria. Na lan house, conhecemos um comunista curdo, que mostrou para nos como a palavra “facista” e forte no vocabulario dos curdos, por eles nao terem um estado e outras repressoes do governo turco, ou ainda de Ataturk.

Aprendemos a falar “Kalp Curdi”, isto e, coracao curdo, o que emocionou um de nossos amigos.

Na espera do onibus, dividimos alguns doces turcos e gravamos um video de despedida de Diyarbakir…

quando subimos no onibus, outra surpresa: so nos estavamos indo para o Iraque.

44 lugares, 2 passageiros, 1 motorista…

Advertisements

One response to “DIA 10 – TURQUIA – Diyarbakir/Amed

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s